The page you're viewing is for Portuguese (LATAM) region.

Parceiros

The page you're viewing is for Portuguese (LATAM) region.

Vertiv e EdgeConneX: Construindo um edge flexível, escalável e onipresente

Andrew Donoghue •

Os executivos seniores das duas empresas recentemente se reuniram para compartilhar os principais requisitos para fornecer infraestrutura de edge centrada no cliente.

A propaganda que envolve o Edge Computing é tangível, mas o Edge Computing é real. A Vertiv e a EdgeConneX acreditam firmemente em seu potencial existente e futuro.

A Vertiv, especialista em infraestrutura crítica, e a EdgeConneX, pioneira na definição e construção do edge da rede, formam parcerias em dezenas de projetos em três continentes (América do Norte, América do Sul e Europa) desde 2014.

A colaboração em projetos varia de suporte a implementações de nuvem em hiperescala em Chicago, Dublin e Amsterdã, a vários sites de borda da rede que se estendem do leste ao oeste de Seattle a Miami e de norte ao sul de Toronto a Buenos Aires.

Uma cadeia de suprimentos de infraestrutura crítica just-in-time tornou-se um fator-chave de sucesso com a demanda crescente por data centers em todo o mundo. É aqui que a presença global da Vertiv, além de sua capacidade de fornecer infraestrutura rápida, também tem sido um facilitador essencial para a expansão da EdgeConneX. Por exemplo, a abordagem “plug and play” dos projetos de data center modulares pré-fabricados (prefabricated modular, PFM) da Vertiv pode reduzir o tempo de inicialização e comissionamento para apenas alguns dias, em vez de semanas ou meses.

O presidente da Vertiv região EMEA, Giordano Albertazzi, reuniu-se com Phillip Marangella, diretor de marketing da EdgeConneX, no recente DataCloud Global Congress para um “bate-papo virtual” para discutir os desafios e oportunidades que as duas empresas veem para atender à demanda atual e futura do data center.

Giordano: O título desta sessão é “redesenhar uma internet centrada no cliente”. O que isso significa para você, para a EdgeConneX e como você vê isso se formando?

Presidente da Vertiv região EMEA, Giordano Albertazzi

600x600-GiordanoEdgeConneX-hd_272216_1.jpg
Phillip: Somos parceiros há muito tempo e vocês têm sido fundamentais para o nosso sucesso. Mas o ponto crucial disso é que tudo se resume aos nossos clientes: ajudar nossos clientes provedores de serviços a prestar serviços mais próximos de seus usuários finais. Pode ser uma implementação em hiperescala ou um requisito de edge muito pequeno. Muito do sucesso que tivemos com a Vertiv nos permitiu ter a flexibilidade para dar suporte a esses requisitos variáveis de clientes em todo o espectro de tamanhos de data centers; também escalar com nossos clientes à medida que suas necessidades crescem e evoluem, e, por fim, ter a onipresença para ir a qualquer mercado do mundo muito rapidamente. Isso poderia ser nos EUA, onde construímos 23 data centers em 24 meses, ou na América do Sul, onde estamos atualmente expandindo em Buenos Aires e Santiago, ou na Europa, onde implantamos data centers massivos de uso específico em Amsterdã e Dublin.

Giordano: Como as necessidades dos seus clientes estão mudando quando se trata de nova capacidade de edge?

Phillip: Nossos clientes são alguns dos hiperescaladores e provedores de serviços mais exigentes do mundo. A combinação de suas exigências atuais com as futuras para machine learning, IA, veículos autônomos e jogos está sobrecarregando a infraestrutura atual da Internet. Então, temos enormes gargalos que são resultantes do vasto volume e variedade de dados que estão sendo gerados no edge que exigirão uma nova arquitetura da internet e uma internet mais distribuída e descentralizada que inclui recursos locais de emparelhamento de edge. Ter essa flexibilidade para fornecer uma solução integrada do core ao edge e além para ajudá-los a eliminar esses gargalos é fundamental.

Giordano: Até que ponto você acha que o edge extremo – ou MicroEdge – se desenvolverá nos próximos três a cinco anos?

Phillip: Há muito alarde em torno desse edge extremo. Quando se fala em edge extremo, estamos falando de vários data centers muito pequenos em uma única rede metropolitana. Acho que os casos de uso para esses requisitos estão mais adiante, mas temos a capacidade de fazer isso hoje se o cliente quiser. Na verdade, a EdgeConneX começou a construir pequenos data centers MicroEdge nos principais prédios metropolitanos – essa era nossa herança –, e hoje temos 220 deles na América do Norte. Mas quando se fala nessas cargas de trabalho de edge atuais e futuras – conteúdo OTT, nuvem, jogos, IoT, veículos autônomos, IA –, é preciso um ponto de emparelhamento local que possa ajudar a rotear o tráfego, quer ele precise permanecer no edge ou transitar de volta para o core e vice-versa. Pessoalmente, acho que o MicroEdge ainda está de dois a três, a cinco anos adiante.

Giordano: Então, parece que o núcleo da oportunidade de curto prazo ainda está no mercado de data center geográfico de Nível 2?

Phillip Marangella, diretor de marketing da EdgeConneX

Philip Marangela EdgeConnex
Phillip: Sim, e darei um exemplo nos EUA. O mercado de Phoenix sempre foi atendido por Los Angeles. Trabalhamos com a Comcast e outros provedores de serviços de conteúdo para fornecer conteúdo localmente em Phoenix, o que resultou em enormes economias em termos de custos de backhaul e melhorias na entrega de conteúdo para o cliente. Para esse fim, se você olhar para a maioria dos investimentos por provedores em capacidade de data center, mais de 80% dos investimentos em capacidade de data center do mundo estão acontecendo nos 20 maiores mercados do mundo. No entanto, a grande maioria das pessoas, empresas e o PIB ocorrem ou residem fora desses 20 principais mercados, por isso há uma grande necessidade de aproximar mais o conteúdo, os jogos, a nuvem, os aplicativos e os dados dos usuários finais nesses outros mercados em todo o mundo.

Giordano: Nós certamente concordamos com isso e vemos muitas oportunidades na Europa nesses mercados de Nível 2…

Phillip: Então, vamos falar sobre a Europa, não são apenas os mercados FLAP, ou seja, Frankfurt, Londres, Amsterdã e Paris. Estamos vendo uma enorme demanda em toda a Espanha, Suíça e Alemanha: Munique, Dusseldorf e Hamburgo. Seja o RGPD ou outros casos de uso de uma perspectiva de proximidade para aproximar os serviços dos usuários finais, estamos vendo muita demanda. E tudo se resume ao que eu disse no início, ter essa flexibilidade, ter essa capacidade de escalar e essa onipresença, então há uma solução consistente em qualquer mercado no mundo todo. O motivo pelo qual trabalhamos juntos é a capacidade de resolver esses três elementos centrais.

Philip: Também gostaria de perguntar a você, Giordano, como a Vertiv se concentrou nesses três elementos centrais de flexibilidade, escalabilidade e onipresença?

Giordano: Entendemos que estamos em um mercado onde fazer apostas de longo prazo é sempre difícil quando se trata de empresas como a EdgeConneX fazerem escolhas tecnológicas. Portanto, nós, como fornecedores, precisamos ter a capacidade de implementar quando e onde você precisar; com rapidez – em questão de meses – e com soluções que exijam o mínimo de integração de site possível. Nos últimos anos, investimos pesadamente e aumentamos nossa experiência em soluções modulares. Essas soluções modulares podem variar desde projetos em contêiner até soluções de energia em plataformas que se encaixam em construções híbridas com um revestimento de tijolos e argamassa pré-existente para ser mais rápido no ciclo de licença, o que pode ser doloroso para nossos clientes. Tenho orgulho de dizer que estamos liderando nessa área, mas também é devido à experiência de trabalhar em conjunto com clientes como o EdgeConneX.

Para saber mais sobre como a Vertiv e a EdgeConneX estão fornecendo implementações inovadoras de edge, confira o webcast DCD: Implementação rápida: atendendo à crescente demanda por compartilhamento de colocation e infraestrutura de edge

Assine nosso blog e mantenha-se informado sobre as últimas tendências, tecnologias e novidades.

Conteúdo Relacionado

PARCEIROS

Selecione o seu país e idioma